6 de julho de 2014

Eis a questão: Tudo zen com o estilo Japones





Bom dia gente!  Hoje trazemos para quem busca um ambiente mais minimalista e zen do estilo Japonês.
Os japoneses levam uma vida de muito trabalho, seu lar é sagrado, tornando-se um ambiente de paz e tranquilidade, um lugar onde se possa chegar e relaxar, sem bagunça, tumultuo, o lar tornasse seu templo.
Graças ao nosso corre corre este estilo tem feito bastante sucesso, em algumas casas ou ambientes.
A decoração japonesa traz equilíbrio, mantendo apenas o essencial no ambiente, sem exageros e extravagancias, valorizando o espaço.
A filosofia de vida dos japoneses exalta o estilo de vida simples, tornando a decoração Zen Japonesa minimalista. Mantendo um ambiente com poucos moveis e muita luz natural.

Começamos pela paleta de cores:

                       Sala com parede de bambus, divisória com preto destacando a forma

As paredes geralmente são creme ou bege, tendo como conjunto as cores como terra, cinza resultados de estatuas, fontes, bambus e outros materiais naturais, verdes usados em plantas, vermelho ou dorado usado em cerâmicas, leques ou tecidos,  já o preto marca as divisórias e formas geométricas, destacando os móveis, se não gosta muito do preto pode optar pelos tons castanhos.

                  Sala com futons e almofadões, mesinha de centro baixa e tapete de tatame

Os japoneses sentam-se  no chão que é forrado de tatames que são feitos de palha trançada, então não á necessidade de sofás ou poltronas, opte por futons, almofadas grandes elevadas com uma base de madeira e almofadas mais pequenas, trabalhando sempre a assimetria do ambiente.
Se quiser apenas decorar o ambiente e não seguir bem ao pé da letra use sofás mais baixos.
Use uma kotatsu peça que não pode faltar, a kotatsu é uma mesa baixa usada na sala de jantar, ela tem um pequeno aquecedor embaixo, os japoneses tem o costume de comer, dormir e se reunir no mesmo lugar e nada melhor que um lugar quentinho!
Os aquecedores podem ser presos tanto na parte de baixo da mesa como interno no chão.
As kotatsus devem ser acompanhadas de zafus, que são pequenas almofadas que ficam ao redor da mesa.


  Funcionamento de uma kotatsu


                                                              Modelo de kotatsu


                                                                  Modelo de kotatsu
As portas e divisões são em padrões de correr, usando o fusuma ou shoji tanto para portas como para divisões e janelas, pois permitem a entrada de luz no ambiente.
Os fusumas são portas ou divisórias feitas de papel muito espesso emoldurado em madeira decorados com caligrafia ou pintura.


                                                                         Fusuma

                                               Fusuma fechado, não possuem fechadura

Shoji é uma divisória de correr com moldura feita em madeira lacada, e coberta de janelas de papel de arroz.


                                                            Porta de correr de shoji


                                                            Porta de correr de shoji

Na parte interna para não fazer o uso de portas é usado os norens, que são portas cortinas, feitas de algodão 100%, e contendo selecionadas pinturas em seda, no caso pode ser usado para decoração na parede pois são desenhados ou pintados. 


                                                                        Norens


                                                                           Norens

Outro método usado são os sudare que servem para impedir as pessoas de olharem para diferentes partes da sala, serve como uma cortina divisória, feitos de ripas horizontais de madeira, bambu, junco, palha. Os que possuem barra de tecido verde em toda a volta são chamados de Misu, no alto possui ganchos de corda com franjas que servem para segura-lo depois de enrolado.

                                                                           Sudare


                                                                               Sudare

O estilo Japonês é minimalista, porem rico em detalhes, pode-se tanto criar um ambiente neste estilo levando todos detalhes e outros em conta, como apenas decorar um ambiente usando uma peça ou outra, dando um toque japonês em espaços modernos.
A cultura japonesa é muito bonita, e merece muito ser estudada mais a fundo, mas isso fica com o interesse de cada um...não é.
Boa tarde a todos e até mais postagens.



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...